Mulheres - Eventos e Oportunidades

26
mai

PAPo A Mulher na Academia - Roda de discussão de Junho

O tema de discussão do PAPo A Mulher na Academia no mês de junho será acerca d´A Experiência de Mentorar em que o executivo Colin Butterfield falará de sua experiência como mentor da Fundação Estudar.

Colin é formado em Engenharia de Produção pela Boston University e MBA pela Tuck School of Business at Dartmouth. Iniciou sua carreira no Banco Garantia. Em seguida, trabalhou na Monitor Consulting. Montou em seguida a BTG, uma agência de viagens voltada para o mercado corporativo. No mesmo ano vendeu a empresa ao JP Morgan Partners e encabeçou a montagem do portal de viagens www.decolar.com.br . Após seu mestrado, foi contratado pela matriz da Cargill, em Minneapolis. Após dois anos trabalhando com M&A, voltou ao Brasil como Diretor de Açúcar. Em seguida, ingressou na Bracor Investimentos Imobiliários como Diretor de Investimentos, onde liderou as áreas operacionais e comerciais da empresa. Por fim, iniciou sua trajetória na Cosan como Presidente da Cosan Alimentos, que congrega os negócios de açúcar do grupo. Casado, dois filhos, vive em São Paulo.

Evento no Facebook (confirme sua presença): https://www.facebook.com/events/611240302221895/

Haverá coffee-break e sorteio de um livro.

Data: 14/06/2013

Horário: 11h

Local: Escritório Piloto - sala S-33 do prédio da Engenharia Civil da Poli-USP - Campus Butantã

 

Apoio: FTDE
 

Português, Brasil
8
mai

Bate Papo do PoliGen: Programa de mentoring

Desta vez, não contaremos com alguém externo para palestrar, então, estruturamos este encontro para ser algo mais interno e discutirmos sobre:

0) Mística de percepção: quais são as suas expectativas, o que você gostaria de fazer?
1) Esclarecimentos sobre o programa de mentoring do PoliGen (inclusive a bolsa do Programa Aprender com Cultura e Extensão)
2) "meetup" das mentees entre si e com as demais pessoas do grupo
3) Encaminhamento de data para uma confraternização no fim do semestre

E outras pautas que surgirem... e que qualquer um@ pode ir antecipando aqui através de comentários no site ;-)

Data: 10/maio/2013
Horário: 11h
Local: Escritório Piloto

Mais informações de como participar aqui

Português, Brasil
5
mar

PAPo A Mulher na Academia - 8 de março de 2013

Nossa primeira roda de discussões de 2013 sobre o papel da mulher na Academia e no mundo da Tecnologia ocorrerá no dia 08 de março, dia internacional da mulher.

Nesta primeira roda do ano contaremos com a presença de Vania Ferro, que vai contar um pouco de sua experiência como presidente da companhia americana 3Com, diretora da ong Care Brasil e pesquisadora da Escola Politécnica da USP.

Vânia Ferro

Ao assumir a presidência da companhia americana 3Com no Brasil, em 1993, tornou-se pioneira entre os altos executivos do sexo feminino no Brasil. À época, assumiu um escritório com apenas três funcionários e faturamento anual de US$ 5 milhões. Após seis anos, a empresa havia se transformado em uma das grandes de tecnologia do país, com 120 empregados e faturamento de US$ 250 milhões. Formada em Física, Vânia leciona nos cursos de MBA da Faculdade de Economia e Administração (FEA) e da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP).
Hoje em dia
Em 2002, Vânia deixou a presidência da 3Com. Em 2003, assumiu a diretoria executiva da ong Care Brasil, que tem o objetivo de aumentar projetos de geração de renda e incentivar a educação pré-escolar. É professora especialista no Laboratory of Computer Architecture and Networks (LARC) da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP).
http://premioclaudia.abril.com.br/finalistas/vania-ferro/

Sobre o Evento

Local: Escritório Piloto - Sala S33 do prédio da Engenharia Civil da Escola Politécnica da USP, campus butantã.

Horário: 11h00

Português, Brasil
10
out

Berlin Mathematical School - for women

http://www.math-berlin.de/images/stories/2012_days_annienatashaclaudia_dl.gif

The BMS sets the explicit goal to reach a fifty percent representation of women among its students. The following measures will be taken: The BMS counseling and mentoring will be set up specifically in order to strengthen women during their course of studies at the BMS. In the framework of the BMS program, we have a special responsibility and opportunity to encourage female candidates to continue their path from the Phase I into the dissertation research phase. Thus the BMS mentors will especially support women at the point of transition from Phase I to Phase II, where they choose an area of research, research group and thesis advisor, and prepare for qualifying exams.

Português, Brasil
23
jul

8º Prêmio Construindo a Igualdade de Gênero

Português, Brasil

O Prêmio Construindo a Igualdade de Gênero consiste em concurso de redações, artigos científicos e projetos pedagógicos, dirigido a estudantes de Ensino Médio, Graduação, Pós-Graduação e Escolas da Educação Básica na área das relações de gênero, mulheres e feminismos, contemplando suas interseções com as abordagens de classe social, geração, raça, etnia e sexualidade.

7
jun

PAPo A Mulher na Academia - 3ª roda de discussão

Na última roda de discussão, ocorrida em abril, ficaram apontadas duas demandas. A primeira era iniciar um levantamento dos dados existentes sobre inscrição, aprovação e matrícula nos cursos, engenharia, física e matemática. A segunda foi fazemos uma discussão de fundo mais teórico.

Assim, a estrutura da 3ª roda de discussão ficou:

- primeiros 30 minutos de debate sobre o texto "A divisão sexual do trabalho" de Danièle Kergoat cujo pdf está disponível logo abaixo.

- discussão dos dadaos apresentados e definição dos próximos passos.

Temos a lista de discussão mulheres@lists.polignu.org - se vocẽ se interessa pelo tema, pode se inscrever.

O PAPo ocorrerá no dia 13/06/2012 (quarta-feira) às 17h no Escritório Piloto, que fica na Sala S33 do Prédio da Engenharia Civil.

Português, Brasil
4
jun

Poli recebe o Fórum Internacional: Mulheres em ciências e engenharia em parceria com a Boeing

O evento, a ser realizado no dia 5 de junho, das 8h30 às 12h na sala da Congregação da FEA, é organizado e realizado pelo Laboratório de Sistemas Integráveis da Escola Politécnica da USP e pela Boeing do Brasil.

O Fórum abordará a trajetória profissional de cinco mulheres de expressão em grandes empresas e instituições (Embraer, GE, Boeing e USP), assim como a importância da diversidade e o papel da mulher nas
ciências e engenharia.

Quando?
05 de junho, das 8h30 às 12h

Onde?
Sala da Congregação da FEA/USP
Av. Prof. Luciano Gualberto, 908 - FEA 1 Cidade Universitária - Săo Paulo

Vagas limitadas. Confirme sua presença pelo email contato@lsitec.org.br

Português, Brasil
23
mai

PAPo A Mulher na Academia - 2ª rodada de discussão

Ao fnal da 1ª roda de discussão, ocorrida em abril, conclui-se que nem de longe esgotou-se o assunto e que seria necessário pelo menos mais uma edição com o mesmo tema. Assim, o PoliGNU convida a todas e todos para participar do 2ª roda de discussão A Mulher na Academia, no qual debateremos um pouco sobre como é a vida acadêmica para mulheres, as dificuldades e desafios, e outros assuntos correlatos.

Português, Brasil
12
abr

PAPo As Mulheres na Academia

Dando sequência aos debates sobre mulheres, o PoliGNU convida a todas e todos para participar do PAPo A Mulher na Academia, no qual debateremos um pouco sobre como é a vida acadêmica para mulheres, as dificuldades e desafios, e outros assuntos correlatos.
O PAPo ocorrerá no dia 19/04/2012 (quinta-feira) às 11h no Escritório Piloto, que fica na Sala S33 do Prédio da Engenharia Civil.

Português, Brasil
8
mar

PAPo As Mulheres e o Mundo Digital

Apresentação
 
Em 08 de março de 2012, o PAPo promovido pelo PoliGNU "As mulheres e o mundo digital" contou contou com presença equilibrada (25% para cada grupo) de estudantes mulheres e homens da Poli, professoras da Poli (PEF e PCS) além de mulheres da comunidade Transparência Hacker.
 
Essa iniciativa nasceu a partir do debate "Web para meninas" que aconteceu na Campus Party 2012 [1]. Nesse debate discutiu-se o quanto o machismo reproduz-se nas redes e mídias sociais: quando uma mulher emite uma opinião parece incomodar mais e ser taxada como ameaçadora. Foi citado um estudo que indicou que quando o avatar é feminino (independente de quem realmente esteja por trás) a incidência de "trolagem" e xingamentos é maior.
 
 
A discussão
 
Feita essa apresentação, começou-se a se discutir partindo do texto [2] que cita, através de uma entrevista, uma situação recorrente: uma profissional que sofre descrédito por ser mulher. Além disso, aponta para como muitas vezes a mídia enxerga (e faz enxergar) a mulher e a tecnologia - o apelo quando o público-alvo é feminino é ter um computador rosa... Aplicativos?! Para quê? Para quem?
 
Aí, entrou-se em uma discussão mais empolgada e uma reflexão que permeou bastante o encontro foi o quanto a educação, seja no espaço formal da escola ou no informal de família e amigos, vai conformando nossas vontades e possibilidades (de homens e mulheres) ao longo da vida, a ponto de não se saber se aquela vocação que afirmamos ser originalmente nossa mesmo.
Português, Brasil